Arquivo | Bolos RSS feed for this section

Bolo de maçã e desculpas esfarrapadas

29 jul

Encontrei esta receita  no Cinara’s Place e foi um dos bolos mais simples de se fazer (tudo o que eu faço é simples… hahaha) e é muito apetitoso. No início estranhei o uso de óleo na receita de bolo… Mas né, americanos fazem coisas gordas.

Fiz esse bolo no ano passado (ou retrasado?) e encontrei as fotos (de celular) perdidas pelo computador. Aproveitei para publicar!

Bolo de maçã

Delícia!

BOLO DE MAÇÃ

Ingredientes:

  • 1 xícara de óleo
  • 3 xícaras de farinha de trigo
  • 2 xícaras de açúcar
  • 1 colher (sopa) de canela em pó
  • 1 colher (chá) de bicarbonato
  • 1/2 colher (chá) de sal
  • 3 ovos
  • 3 maçãs pequenas, picadas em cubos
  • 1/2 xícara de uvas passas (não usei)
  • 1/2 xícara de nozes picadas (não usei)
  • 1 colher (sopa) de extrato de baunilha

Modo de preparo

Pré-aqueça o forno a 180ºC.

Misture a farinha com a canela, o bicarbonato e o sal e reserve.

Bata os ovos, o açúcar e o óleo na batedeira, em velocidade alta, até formar um creme amarelo claro.

Adicione os ingredientes secos na batedeira e bata mais um pouco para incorporar (a massa ficará bem espessa).

Pare de bater e adicione as maçãs picadas à massa, adicione também a baunilha. Misture com uma colher.

No Cinara’s diz para colocar a massa em formas de bolo inglês, como não tinha, coloquei em uma travessa de vidro untada e enfarinhada (vide foto).

Deixe assando por 50-60 minutos. Faça o teste do palito para verificar se não vai grudar massa no palito.

Desenforme ainda morno e deixe esfriar antes de servir.

Agora vou para a parte das desculpas esfarrapadas.

Sei que o blog anda meio/muito abandonado. Entrei num período frenético de estudos para provas, seguido de férias super ocupadas com preparativos da formatura do meu irmão e agora… Só rola desanimo para a cozinha.

Preciso arrumar facas, frigideira… etc, melhores ferramentas para a cozinha. O tempo que demoro para cortar as coisas com facas ceguetas, a frigideira sem cabo… Muito estresse. Por isso, até eu arrumar pelo menos essas duas coisas o blog continuará paradinho…

Anúncios

Brownie com Nozes

21 maio

Essa é sem dúvidas a minha receita favorita! A encontrei no Rainhas do Lar e resolvi experimentar. Gosto do brownie menos fofo e mais molhadinho e a foto desta receita mostrava bem isso… fiquei tentada. Logo quando testei encontrei o meu amor.

Não é uma receita muito divertida, ou com processos interessantes (como descascar tomates por exemplo), de fato, picotar o chocolate é uma tarefa chata quando não se tem uma boa faca, ou um “juicer walita” com um milhão de funções.

Algum desses corta chocolate né?

Além de cortar o chocolate, as nozes também podem ser um incômodo… Mas não para o meu namorado. Eu explico: uma das vezes que fiz a receita resolvi pedir ajuda (aos universitários) e pedi para que ele cortasse as nozes. Fui clara, tamanhos variados, não precisava ser uma coisa milimetricamente calculada mas acho que isso não funciona para (futuros) engenheiros…

Enquanto sofria com o chocolate, acabei não dando muita atenção para o que ele fazia com as nozes. Quando terminei, lá estava a desgraça. Ele havia RALADO as nozes! Eu tinha a disposição “farinha de nozes” para usar. O pior de tudo é que Iaia ainda apareceu dizendo que aquilo era uma ótima idéia!

A princípio ralar nozes pode acelerar o processo, porém, também altera o sabor! No final das contas senti mais gosto de nozes do que de chocolates naquele brownie (fora que perde aquela “cocrância”).

Mas vamos a receita!

BROWNIE COM NOZES

Ingredientes:

240g de chocolate meio amargo picado (uso um tablete e meio do chocolate “amaro” da lacta, porque chocolate meio amargo é uma raridade, e acho que deve ser a mesma coisa…)

2/3 xícara de manteiga (já usei com e sem sal.. não notei diferença)

4 ovos

1/2 xícara de creme de leite

1 colher de chá de essência de baunilha (sempre boto menos)

1 xícara e meia de açúcar de confeiteiro

1 xícara de farinha de trigo

1 xícara de nozes picadas (ou macadâmia, mas nesta ultima vez fiz com castanha do pará)

Preparo:

Primeiro começo pré aquecendo o forno a 180ºC (pelo menos é o que meu forno indica…). Depois forro uma forma de 21 x 31cm com papel manteiga e aí sim começo a preparar a massa.

Em banho maria, derreta o chocolate picado com a manteiga. Quando estiver bem derretido (sem pedacinhos de chocolate ou manteiga), coloque o chocolate em uma vasilha grande (dessas de batedeira, por exemplo). Em uma vasilhinha a parte, bata ligeiramente os ovos e transfira para a vasilha onde está o chocolate. Mexa com um fouet os ovos e o chocolate para misturar bem. Acrescente aos poucos o creme de leite, a baunilha, a  o açúcar de confeiteiro e a farinha de trigo, misturando bem a cada ingrediente adicionado. Mexa até a massa ficar homogênea e acrescente as nozes picadas (e não raladas). Como desta vez usei castanhas do pará, acabei usando a técnica para descascar alho: Pressionei as castanhas com a faca deitada. Realmente ficaram grosseiramente picadas… Despeje na forma e leve ao forno até que a superfície pareça sequinha.

Deixe esfriar para desenformar… E devore quando estiver quente, morno, de qualquer forma. Vale acrescentar sorvete, algo que particularmente  não gosto, o brownie é supremo demais para “se misturar com essa gentalha”.

Bem… Eu continuo sem máquina. Este brownie merecia várias fotos! Mas as imagens do Rainhas do Lar já são mais do que o suficiente para explicar como fazer e porque fazer esta receita tãao deliciosa!

Bolo de Baunilha com recheio de geléia

4 maio

Depois de uma longa pausa, estou de volta. Nesse meio tempo fiquei doente, tive uma semana de prova e… o velho problema da preguicite (cronica) aguda . Mas nem por isso fiquei 100% alheia ao blog! Acumulei um número razoável de receitas para experimentar e cheguei a uma conclusão: Doces chamam muito mais a minha atenção.

Juro que tentei pegar muitas receitas de salgados. Mas depois de uma frustrante tentativa de fazer uma massa à carbonara fiquei meio traumatizada… Ainda mais por ter sido na cozinha da sogra.

Nesta ausência também tive uma experiencia nova. Confeitei um bolo. Meu namorado pediu para uma amiga minha (beijos Paulinha!), boleira de mão cheia, fazer um bolo de aniversário para um amigo dele. Mas não bastava ser um bolo de chocolate com m&ms em cima e coisas do tipo. Ele queria o companion cube, um cubozinho de um jogo que ele e seus amiguinhos jogam (Portal).

Ela fez o bolo de chocolate, o brigadeiro pra servir de recheio mas teve que sair mais cedo pois tinha um compromisso especial naquele dia. Então fiquei com a tarefa de confeitá-lo. Naquele dia em especial eu não estava com muita paciência para fazer algo tão trabalhoso… Mas fiz e o resultado final ficou legal e fez sucesso no facebook hahaha.

E aí está o bolo. E a prova de que continuo sem máquina fotográfica

Além disso, fui assistir American Pie no cinema com o Diogo, mas no meio tempo paramos na Saraiva e encontrei esse livro adorável, cheio de receitinhas de bolos fofinhos. Não aguentei e trouxe para casa, mesmo sendo em inglês, já que estava em promoção…(!)

Só não veio com a espátula rosa…. 😦

Tem bolos de frutas, de chocolate, de baunilha, de mel, de… uma infinidade de bolos! Então resolvi voltar com um post de.. bolos! Aproveitei que tinha tudo necessário para fazer a primeira receita: Vanilla Sponge Layer Cake. 

A foto não é minha, mas o bolo fica mais ou menos assim…

Bolo de Baunilha com recheio de geléia (Serve de 6 a 8 pedaços, dependendo do pedaço claro)

Ingredientes do bolo:

– Óleo/manteiga para untar

– Uma xícara e meia de farinha

– Uma colher de sopa de farinha

– 3/4 de xícara de manteiga sem sal amolecida

– 3/4 de xícara de açúcar refinado (bem generosa)

– Três ovos batidos

– Uma colher de chá de extrato de baunilha (coloquei um pouco menos..)

– Duas colheres de sopa de leite

Preparo:

-Pré aqueça o forno em 180°C

– Unte uma forma redonda de 20cm de diâmetro e coloque papel manteiga

– Em uma vasilha grande, misture a farinha, o fermento, a manteiga, o açúcar refinado, os ovos batidos e o extrato de baunilha. Misture tudo até a massa ficar macia (“beat well until the batter is smooth“, foi meio no olhômetro né, porque massa macia…) e depois adicione o leite. Primeiro misturei os ingredientes com uma espátula dessas que nem da foto do livro e depois bati mais um pouco na batedeira, por desencargo. No livro não explicava!

– Coloque a massa na forma e deixe assar por 25-30 minutos. Como o meu forno é LOUCO, eu fiquei umas 2 horas, aumentei a temperatura e tudo mais.. A massa deve ficar dourada.

– Tire a forma do forno e deixe esfriar por 2-3 minutos e depois desenforme.

*Para que o bolo tenha 2 andares duplique a receita e o número de formas.. heheh, ou faça como eu e corte o bolo no meio do círculo, fazendo um “meio bolo de dois andares”

Já o recheio não foi tão sucesso… No inicio achei uma delícia e acabei colocando muito, mas ele é bem enjoativo. Na  verdade acho que você pode colocar a cobertura que bem entender.

Ingredientes cobertura:

– 1/4 xícara de manteiga sem sal amolecida

– 1 xícara de açúcar de confeiteiro. Mais um pouco para “enfeitar”

– 1/2 colher de chá de baunilha (não coloquei)

– Geleia de morango (coloquei de framboesa)

Preparo:

Misture o açúcar, manteiga e baunilha e pronto. Coloque o recheio sobre um dos bolos (ou metades do bolo..), depois coloque a geleia sobre o recheio e coloque o outro bolo (ou metade) em cima um do outro.

O resultado ficou bem gostoso, muito mesmo. O bolo ficou macio e a massa não é nem um pouco enjoativa. Da próxima vez devo mudar o recheio… Um detalhe que pode ser importante, ou não, é que não usei xícaras, e sim um copo medidor que tinha as medidas em inglês… O “cup” deles era equivalente a aproximadamente uma xícara e meia.

Devo colocar as fotos do resultado depois, estão no celular e rola uma preguiça para passa-las para o computador! Preciso pegar a máquina fotográfica com minha mãe. Ficar postando com fotos de celular ou encontradas pelo Google não é animador 😦

Até a próxima!